Actividade prática nº 2 - Condutor ou isolador?



Objectivo

Detectar bons e maus condutores eléctricos


Material


· Pilha de 4,5V
· 4 fios com crocodilos
· 2 tinas pequenas
· 1 espátula
· 1 esguicho com água destilada
· 2 barras de grafite
· Cobre
· Madeira
· Borracha
· Ferro
· Porcelana
· Água destilada
· Sal
· Água salgada


    • Procedimento

      1. Instalar o circuito aberto que se indica no esquema.condutor-isolador.jpg
2. Intercalar entre os pontos A e B, sucessivamente os primeiros sete materiais que constam na tabela.

3. Adaptar as barras de grafite aos terminais A e B e depois mergulha-os na água, sal e água salgada.


Registo de Observações

Materiais
A luz acende
A luz não acende
Grafite
x

Plástico

x
Cobre
x

Madeira

x
Borracha

x
Ferro
x

Porcelana

x
água destilada

x
sal das cozinhas

x
água salgada
x


Interpretação e Conclusão


Se a luz acende quando se usa grafite, cobre, ferro e água salgada é por que a corrente eléctrica passa através deles, logo podemos concluir que esses materiais são bons condutores eléctricos.
Se a luz não acende quando se usa plástico, madeira, borracha, porcelana, água destilada e sal é por que a corrente eléctrica não passa através deles, logo podemos concluir que esses materiais são maus condutores eléctricos.

Nota: Bons condutores eléctricos = condutores eléctricos
Maus condutores eléctricos = isoladores















OBSERVAÇÃO – Completa a tabela, assinalando cruzes.

INTERPRETAÇÃO E CONCLUSÃO –**

Se o relógio funciona é por que recebe energia. Como inicialmente não havia energia e passou a haver então podemos concluir que a energia química, proveniente do ácido do fruto e dos dois metais (cobre e zinco), é convertida em energia eléctrica, que, por sua vez é utilizada no funcionamento do relógio. Acabámos de construir uma pilha – fonte de energia. A lâmina de zinco é o eléctrodo negativo (pólo negativo) a lâmina de cobre é o eléctrodo positivo (pólo positivo) e o ácido cítrico (substância iónica e por isso condutora eléctrica) é o electrólito.